Trending

HOMEM QUE MATOU PRFS ERA PEDREIRO E VIROU ANDARILHO APÓS CASO DE ROUBO DE MOTO


O homem que matou dois policiais da Polícia Rodoviária Federal (PRF) nessa quarta-feira, 18, trabalhava como pedreiro no município de Aratuba, a 120 quilômetros de Fortaleza, e virou andarilho após caso de uma motocicleta roubada. As informações foram confirmadas pela assessoria de comunicação da PRF ao O POVO nesta quinta-feira, 19. O suspeito, identificado como Antônio Wagner Quirino da Silva, de 31 anos, vivia nas ruas de Fortaleza desde o ano passado.

Segundo a PRF, as informações foram obtidas com a irmã do autor do crime durante a identificação do corpo do suspeito na Perícia Forense do Estado do Ceará (Pefoce). A irmã de Antônio Wagner Quirino da Silva disse que ele passou por problemas psicológicos depois que teve o nome envolvido em um roubo de uma motocicleta. No entanto, ela sabia a relação dele com o caso. A Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS) informou que ele não tinha antecedentes criminais.

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem
header ads
header ads
header ads