Trending

GIRO DE NOTÍCIAS

 


BRASILEIRA MORRE EM PORTUGAL APÓS VIAJAR PARA ENCONTRAR FILHA E NETOS

A família de Eunice de Oliveira Soares, 69, luta para trazer o corpo dela ao Brasil depois que a mulher morreu em Portugal, onde estava para visitar a filha e os netos desde fevereiro. Eles aguardam uma autópsia para confirmar se ela teve um infarto e caiu, batendo a cabeça, na última sexta-feira (6). Os parentes agora tentam arrecadar o valor de R$ 108 mil para cobrir os custos do traslado.

Em entrevista ao jornal O Globo, Clecia Soares de Oliveira, filha de Eunice, relatou que a mãe passou um dia no hospital, mas foi liberada. Segundo ela, a mãe saiu do hospital andando e conversando normalmente. Mas Eunice passou mal no caminho de volta para casa, reclamando de muita dor no estômago e acabou desmaiando novamente.

Uma ambulância foi chamada, mas os socorristas não conseguiram reanimá-la, tendo a morte confirmada no hospital. A autópsia será feita ainda no país europeu.

A sobrinha de Eunice, Chardilene Zandomênico, compartilhou a vaquinha para que ela seja enterrada no Brasil. “Se não conseguir atingir a meta para o traslado, queremos pelo menos enterrar lá mesmo, que os custos são, em média, 6 mil euros (32 mil reais na cotação atual)”, disse. “Se ainda assim não atingir, pelo menos os custos da passagem para as duas filhas que estão aqui poderem ir ao encontro de dois irmãos que estão em Portugal”.

 

TÁ RUIM PARA OS PRIMOS PARA CARLOS EDUARDO E HENRIQUE ALVES

Robson Pires  12/05/2022 


A nominata para Deputado Federal montada pelo Candidato a Senador Carlos Eduardo Alves (PDT) terá que juntar, no mínimo, 180 mil votos para eleger um nome para a Câmara Federal. Missão difícil com tantos nomes desconhecidos. Inclusive, a Vice-Prefeita de Natal (RN), Aíla Cortez.

Mesma coisa acontece com a nominata de Henrique Eduardo Alves. Com a saída do Deputado Federal Rafael Motta para disputar o Senado vai ficar ruim para o “Bacurau do Paraguai” que insiste em vestir a camisa verde do MDB, já que a sua deve ser a do PSB, partido ao que ele está filiado: vermelha de Lula.

Ele tem que juntar 200 mil votos para se eleger. De onde é que ele vai conseguir tanto voto.

 

GOVERNO DA TAILÂNDIA VAI DISTRIBUIR 1 MILHÃO DE MUDAS DE MACONHA À POPULAÇÃO

Publicado  5

Após iniciar um processo de descriminalização da maconha, o ministro de Saúde Pública da Tailândia informou que o governo irá distribuir 1 milhão de mudas da erva sem nenhum custo para a população do país assim que as restrições forem suspensas, no próximo mês.

Anutin Charnvirakul sancionou, em fevereiro deste ano, uma medida que retirou a maconha de uma lista de drogas controladas. O consumo foi legalizado em 2018, com várias restrições que vêm sendo mitigadas gradativamente desde então.

Quando a medida entrar em vigor, no dia 9 de junho, ficarão autorizados o consumo e a posse de todas as partes da planta cannabis, inclusive suas flores e sementes. Mas o conteúdo extraído seguirá sendo ilegal se conter uma concentração maior que 0,2% do ingrediente psicoativo tetrahidrocanabinol (THC).

G1.

AÇUDE PÚBLICO NA ZONA RURAL DE ASSÚ, AMANHECEU SANGRANDO

O maior reservatório público rural, localizado no sitio Riacho, em Assú, amanheceu sangrando. A informação foi confirmada por Jaine, moradora da comunidade. Ela entrou em contato com o ASSÚ NOTÍCIA, e narrou que o açude amanheceu essa quinta-feira 12 de Maio, sangrando. 

A água do açude, vai beneficiar diretamente o Mendubim, também localizado na zona rural de Assú. A partir de agora, o local já passa a ser visitado por pessoas de outras comunidades.

No final de 2021, o açude do Riacho secou 100% de sua capacidade, e logo após quase seis meses, encheu e transbordou. 

Fonte: Assú Notícia.


CNN DIVULGA NOVA PESQUISA PARA A PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA: LULA SEGUE N FRENTE

Pesquisa Genial/Quaest para as eleições presidenciais de 2022, divulgada em primeira mão pela CNN nesta quarta-feira (11/05), traz, no cenário com o maior número de candidatos, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) à frente, com 46% das intenções de voto no primeiro turno, seguido pelo presidente Jair Bolsonaro (PL), com 29%. Depois aparecem Ciro Gomes (PDT), com 7%; João Doria (PSDB) e André Janones (Avante) com 3%; e Simone Tebet (MDB) e Felipe d’Avila (Novo), com 1%. Luciano Bivar (União Brasil) não pontuou. Os que dizem que irão votar em branco, anular ou deixar de votar somam 6%. A proporção dos indecisos é de 3%. A margem de erro é de dois pontos percentuais para mais ou para menos. Duas mil pessoas foram entrevistadas face a face entre os dias 5 e 8. O levantamento tem 95% de confiança. Ou seja, se 100 pesquisas fossem realizadas, ao menos 95 apresentariam os mesmos resultados dentro desta margem. A pesquisa foi registrada no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob o protocolo BR-01603/2022.

Com informações da CNN Brasil

 

 

 

 

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem
header ads
header ads
header ads